Armazenamento em Nuvem: porque todo o escritório de advocacia deve ter

No artigo anterior, fizemos um panorama geral sobre como a tecnologia pode favorecer a produtividade nos escritórios (clique para ler). uma dessas práticas é o Armazenamento na Nuvem.

Algum dia você já perdeu algum documento no computador? Esqueceu de salvar, apagou sem querer? Ou o seu computador estragou e lá se foram todos os seus processos? Pois é, imagine só o desespero de perder documentos importantes, salvos apenas em seu computador. Se estas situações nunca aconteceram com você, que ótimo. Mesmo assim, é melhor garantir que seus processos, estudos, documentos, estejam salvos em um local seguro. Quando o assunto é trabalho a melhor coisa é garantir a segurança de tudo.

Neste artigo vamos explicar sobre alguns tipos de armazenamento. Certamente você já deve ter ouvido falar sobre armazenamento em nuvem e armazenamento na rede interna. O que seria cada um desses dois tipos de armazenamento? Quais as diferenças, vantagens e desvantagens?

O que é armazenamento na rede interna?

Existem muitas formas de fazer um armazenamento de arquivo. Quando falamos em armazenamento na rede interna, as opções existentes podem atender a pequenas e grandes empresas, com espaços de armazenamento menores e simples, a maiores e complexos.

Não precisamos entrar em detalhes sobre todos os tipos existentes de armazenamento na rede. O que precisamos saber é que o armazenamento na rede utiliza plataformas físicas de armazenamento de dados ligados diretamente em um único computador, ou em vários, constituindo uma rede compartilhada, na qual os computadores conectados possuem acesso a todas as informações de um único servidor.

Só o fato de você já não deixar as informações apenas no computador, é uma grande vantagem do armazenamento na rede. Entre outras vantagens temos a velocidade do acesso às informações salvas. Instantaneamente você consegue acessar, copiar, abrir, excluir. Tudo com muita rapidez e facilidade.

Mas já veio à sua mente acontecer alguma coisa com essa máquina externa que armazena todas as informações de seu escritório? Como você agiria? Desde o incêndio, ao roubo e mesmo a sabotagem, tudo pode acontecer.
Opção imune a isto é o armazenamento em nuvem.

O que é armazenamento em nuvem?

Armazenar em nuvem é salvar suas informações em provedores on-line. Suas informações ficarão salvas na Internet, podendo ser acessadas e compartilhadas. É claro, com o acesso restrito apenas para você ou para quem você permitir o acesso.

A ideia do armazenamento em nuvem é antiga. Há quem diga que o conceito surgiu na década de 1960, mas ganhou mais força a partir do ano 2000, se tornando amplamente acessível para todos.

O que podemos afirmar é que a produção de informação é intensa e que cada vez mais precisamos de espaços para guardar o que produzimos. O armazenamento em nuvem surge como uma ferramenta cada vez mais acessível e que possui espaço infinito para guardar tudo com segurança.

Quais as vantagens do armazenamento em nuvem?

A grande vantagem é que não necessita de aparelhos externos, físicos. Isto gera uma boa economia, tanto dos aparelhos, quanto de energia. A informação vai do seu computador diretamente para a Internet e lá ela permanece até que você volte a usá-la. Como a Internet não é corruptível, a garantia da segurança é muito maior do que o armazenamento na rede interna. Erros humanos ou desastres naturais não afetarão suas informações, que estarão guardadas em nuvem.

Outra vantagem é a facilidade no acesso. Em qualquer lugar e em qualquer momento você pode acessar suas informações em nuvem. Pois é, o acesso é global, sem restrições de tempo ou espaço, favorecendo a agilidade do trabalho.

Hoje, existem várias empresas que oferecem o armazenamento em nuvem. Podemos citar algumas como a Dropbox, Amazon Web Service, Google Drive, 4Shared, One Drive, iCloud, ADrive. Planos com espaços  infinitos e preços vantajosos.

O site de tecnologia Tecmundo, fez um comparativo interessante de 8 serviços de armazenamento em nuvem. Confira.

Aqui, uma outra vantagem. Talvez agora você não tenha muitos arquivos para guardar. Então você pode escolher um plano com espaço menor e ir aumentando o plano conforme sua demanda por espaço for crescendo. Os valores são acessíveis, principalmente em planos anuais.

Muitos desses provedores também apresentam a possibilidade de você separar arquivos que são utilizados constantemente e arquivos que não são utilizados com tanta frequência. Os arquivos menos utilizados podem serem salvos em um servidor diferenciado, com um custo mais baixo.

Alguns provedores permitem também que você armazene os mesmos arquivos em seu dispositivo, permitindo a sincronização entre sua memória local e a nuvem. Com isso, você pode acessar seus arquivos em sua máquina e o próprio computador se encarrega de sincronizar (ou “espelhar”) do computador para a nuvem e vice-versa, mantendo sempre os seus arquivos com acessibilidade on-line e off-line, ou seja, sem necessariamente estar conectado à Internet.

Além da segurança do armazenamento em nuvem, a vantagem de você acessar suas informações de qualquer lugar é enorme. Suponhamos que você está atendendo ao seu cliente, tem apenas o seu celular em mãos e precisa de um arquivo do seu servidor. Com um armazenamento em nuvem, você pode acessar seus arquivos pelo celular, fazer alterações, salvar, enviar para seu cliente.

Em qualquer lugar você pode ficar conectado com suas informações. Isso demonstra agilidade e muito mais profissionalismo.

Armazenamento em nuvem x Armazenamento na rede interna

Agora que já conhecemos o que é armazenamento na rede interna e armazenamento em nuvem podemos escolher qual deles pode ser o melhor. Sabemos que ambos colaboram para o andamento do seu escritório, porém um deles se destaca pela segurança e a eficiência apresentada.

O armazenamento em nuvem deixou de ser uma novidade e já passou a ser tendência para a maioria das empresas, porque além de muitos benefícios, vem ao encontro da a segurança que toda empresa precisa. Não importa o que aconteça, suas informações estarão sempre salvas no provedor on-line que escolher.

Porque todo escritório de advocacia deve ter um armazenamento em nuvem?

Já elencamos diversas vantagens de ter um armazenamento em nuvem que justificam que a ferramenta é indispensável para um escritório de advocacia. No entanto, muitas vezes nos preocupamos com tanta coisa no escritório que simplesmente esquecemos de como estamos armazenando as informações que produzimos.

A questão é: se até hoje você confiou em guardar suas informações apenas no computador, é hora de mudar! Mesmo que nunca tenha acontecido de perder alguma informação, ainda assim é hora mudar. O seu computador pode ter a memória suficiente para armazenar todas as informações que você produz. Mesmo assim, é muito arriscado confiar o trabalho de todo seu escritório apenas em uma máquina. Lembre-se, é necessário mais segurança com as informações do seu trabalho.

Tenha consciência do valor das informações que você possui e escolha a melhor maneira de armazená-las, todas elas. Coloque na balança o valor de um armazenamento em nuvem e o preço de perder suas informações. Acredite, o maior custo é perder as informações do seu escritório de advocacia.